Home

Sempre admirei pessoas que adoram aprender, aquelas com automotivação e grande interesse em descobrir coisas novas. Acredito que o nosso conhecimento é algo único que ninguém pode nos tirar, quanto mais nos envolvemos verdadeiramente com aquilo que estudamos ou trabalhamos, mais aprendemos. As diferentes experiências que temos, nos dão sinais das trajetórias que podemos seguir e ganhamos mais conhecimento não só sobre as coisas a nossa volta, mas também sobre nós mesmos.

O Lucas Coelho tem vinte e poucos anos, nasceu em Aparecida do Norte, São Paulo, e é apaixonado por skate e música. Além disso, ele ama aprender e atualmente vive um momento de grande motivação com relação ao futuro.

“A tecnologia por si só não é o futuro, as pessoas são. São elas que irão transformar o mundo, investir em pessoas é muito mais satisfatório e vantajoso.” – Lucas Coelho

Quando o Lucas era pequeno a sua família sempre o incentivou a estudar Medicina. Mesmo sem nenhum parente médico, a pressão era grande para que ele seguisse carreira no ramo. Mas o Lucas não se interessava nem um pouco pela área, ele gostava mesmo era de descobrir e analisar como alguns objetos funcionavam. Foi assim que ele decidiu fazer um curso técnico em Mecânica Industrial.

Logo ele se identificou com o curso, e gostou mais ainda da área quando começou a estagiar em uma grande empresa. O período do estágio era de 6 meses, porém, com 3 meses ele foi efetivado. Lá, o Lucas trabalhava no setor de manutenção e para ele foi uma experiência incrível! Ele conheceu pessoas admiráveis, muitos sem estudo, mas que possuíam grande conhecimento por meio da experiência vivida no trabalho.

Como estava gostando muito da área, ele decidiu prestar vestibular para Engenharia de Produção Mecânica. Ele começou a estudar sozinho em casa para realizar as provas e, depois de prestar o vestibular em diferentes universidades, ele foi aprovado na Universidade Federal de Santa Catarina, a UFSC. Assim, o Lucas deixou o seu emprego e foi morar em Florianópolis.

Durante a universidade, ele se envolveu com diferentes projetos e organizações que proporcionaram contato com o empreendedorismo: start-ups, empresa júnior, AIESEC, etc.  Quanto mais ele se envolvia, mais gostava do ambiente, da possibilidade de inovar, criar e, principalmente, aprender fazendo. Naquele momento, ele percebeu que o curso de Engenharia não estava atendendo às suas expectativas. A metodologia de ensino, os professores e o próprio conteúdo do curso o decepcionaram, estava sendo muito diferente do que ele imaginava.

Segundo o livro “Escola sem sala de aula”, temos apenas 7,4% de aproveitamento em um curso de graduação.

Por conta de sua família e de seus projetos, ele vivia indo para São Paulo. Em determinado momento, quando o Lucas foi à cidade para uma conferência da AIESEC, ele decidiu ficar de vez na capital. Passou a fazer parte da AIESEC na Espm e em paralelo começou a fazer Economia. Mas o novo curso também ficou muito abaixo das suas expectativas.

O Lucas com os seus colegas da Diretoria da AIESEC na Espm no ano de 2011.

O Lucas com os seus colegas da Diretoria da AIESEC na Espm no ano de 2011.

Assim como o Lucas, todos nós nos decepcionamos com a faculdade de certa forma. Seja por alguns professores, pela metodologia de ensino, pela infraestrutura, pelas atividades acadêmicas, entre outros motivos.  Nesta hora é importante parar para pensar em nossos verdadeiros interesses e motivações, aquilo que nos move de fato a seguir adiante ou então que pode nos fazer mudar completamente a rota.

Depois das experiências que teve, o Lucas chegou à conclusão de que precisava estudar e a melhor maneira seria criar o seu caminho de educação sozinho. Ele lia sobre os mais variados assuntos e falava com pessoas que entendiam de: administração, marketing, espiritualidade, estratégia, autoconhecimento e por aí vai. Além disso, ele começou a procurar um emprego, pois queria aprender também com a prática em alguma organização.

Naquele momento, o Lucas recebeu o convite de um amigo para trabalhar em uma empresa de tecnologia, a Sattva. Lá, ele se apaixonou ainda mais pelo ambiente empreendedor. A equipe era enxuta e cada projeto que realizavam para um cliente era um desafio e um novo aprendizado.

A mesa de trabalho do Lucas na Sattva. Na época em que trabalhava lá ele postou esta foto no Facebook com a seguinte frase:  "I do love my job :) - Eu amo sim o meu trabalho :)"

A mesa de trabalho do Lucas na Sattva. Na época em que trabalhava lá ele postou a foto no Facebook com a seguinte frase: “I do love my job 🙂 – Eu amo sim o meu trabalho :)”. Gostar do que faz sempre foi algo importante para ele.

Depois, o Lucas foi convidado para fazer parte do time do 99jobs, uma plataforma de busca de empregos para pessoas que desejam fazer o que amam. No 99jobs o Lucas se encontrou! O seu interesse em trabalhar para o bem das pessoas, a equipe jovem, o ambiente dinâmico e motivador e o contato com pessoas de diferentes áreas e conhecimentos, eram cada dia mais enriquecedores.

Lucas com a equipe do 99jobs

Lucas com a equipe do 99jobs

 

Além do seu trabalho, o Lucas sempre gostou muito de pesquisar coisas na internet. Foi buscando sobre educação que ele encontrou a organização Uncollege, que através de um programa de desenvolvimento pessoal e profissional, mostra aos jovens que a universidade não é o único caminho para se ter sucesso. O Lucas achou a organização tão interessante que decidiu enviar um email para o criador do projeto. Depois de algumas conversas, ele recebeu o convite para trazer o Uncollege para o Brasil. A proposta veio de maneira inesperada e, como ele amava o trabalho no 99jobs, era difícil saber se valeria a pena mudar o rumo de sua carreira novamente.

Depois de refletir muito sobre os seus interesses, motivações, seu momento atual e futuro, o Lucas aceitou o convite! O que mais pesou em sua decisão foi a sua paixão por educação e interesse em torná-la ainda melhor, mostrarando outras opções de se educar as pessoas.

Hoje ele está fazendo toda a gestão para que o Uncollege Brasil inicie as suas atividades no segundo semestre de 2014. Neste novo caminho ele conta com o suporte da Jéssica Sato, co fundadora do Uncollege e sua namorada. Juntos, eles estão estudando sobre diferentes formas de aprendizado e organizando algumas oficinas sobre a temática.

Este ano o Lucas também se formou no Programa Germinar, conscientização e formação de líderes em comunidades que, por sua vez, poderiam se tornar agentes facilitadores do desenvolvimento socioambiental local.

Este ano o Lucas também participou do Programa Germinar, uma formação do Instituto EcoSocial para agentes facilitadores do desenvolvimento socioambiental local.

Para chegar até aí é claro que ele também passou por dificuldades. Tomar as decisões que tomou exigiu muita coragem, principalmente para abrir mão da sua zona de conforto por diversas vezes.  Fazer a sua família entender o que ele faz e apoiá-lo também sempre foi algo complexo. Ele também assumiu cedo a sua independência e aprendeu a adequar o seu estilo de vida ao momento em que vive.

Para o Lucas um dos maiores aprendizados que ele adquiriu em sua jornada foi a humildade, saber reconhecer os seus erros, ouvir aos outros e respeitar verdadeiramente as pessoas por suas experiências e conhecimentos. Além disso, as pessoas que conheceu em cada experiência foram fundamentais para o seu desenvolvimento pessoal e profissional.

O Lucas também fez uma formação em  Física Quântica com o Dr. Amit Goswami, Ph.D.

O Lucas também fez uma formação em Física Quântica com o Dr. Amit Goswami, Ph.D.

No futuro, o Lucas espera que o Uncollege Brasil tenha muito sucesso, que cresça e possa ajudar cada vez mais pessoas que buscam uma formação inovadora.

E você, já parou para pensar no que realmente precisa aprender para atingir os seus objetivos? O que você tem feito para tornar o seu aprendizado mais efetivo?

lucas coelho3

Lucas, muito obrigada por compartilhar a sua história para o blog! Amamos saber toda a sua trajetória, nos inspiramos em cada momento dela 🙂 Desejamos muito aprendizado, sorte e sucesso para o Uncollege Brasil!

Anúncios

Um pensamento em “Lucas Coelho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s